Warning: Creating default object from empty value in /home/sioms/public_html/view/noticia/code.inc.php on line 38
Representando o FORSSA, presidente do Sioms usa tribuna da Câmara | Sioms

SIOMS SIOMS

Nublado
Máximo: 30º Mínimo: 20º

13 de Junho de 2024





Tribuna
06 de Junho de 2023

Representando o FORSSA, presidente do Sioms usa tribuna da Câmara

 

 

 

 

O presidente reforçou o pedido de apoio aos vereadores para que o município dê 9% de reposição

 

O presidente do Sioms – Sindicato dos Odontologistas de Mato Grosso do Sul, David Chadid, participou nesta terça-feira (6), da Sessão da Câmara Municipal de Vereadores de Campo Grande, fazendo uso da tribuna, representando o FORSSA – Fórum Municipal de Representantes dos Servidores: Sindicatos, Associações e Entidades de Campo Grande – MS.

Em sua fala, David Chadid, pediu o apoio dos vereadores para negociar junto ao executivo municipal da Capital o reajuste salarial e regularização funcional dos efetivos. Atualmente, o Fórum que representa os servidores efetivos, reivindica 9% de reposição, tendo como base o percentual concedido aos servidores federais.

De acordo com o David Chadid, que também é coordenador executivo provisório do FORSSA, o dissídio salarial deveria ter ocorrido no mês de maio, que é a data base para que seja dada pelo menos a reposição da inflação, de forma que não fique defasado. “Nosso dissídio municipal é todo mês de maio, para essa atualização dos valores salariais dos servidores. Mas, zero não pode ficar”, pontuou.

Ele também reforçou que em situações a importância desse diálogo com o executivo municipal e que os servidores não estão conseguindo. “Este ano a negociação ainda não ocorreu. O período do dissídio venceu e a prefeitura está em débito com os servidores”.

Em sua fala na tribuna, o presidente do Sioms e coordenador do FORSSA pontuou que há a reivindicação para regularização funcional, como o pagamento de quinquênio e letras, com atrasos acumulados desde 2015.  “Os valores seguem acumulados, mas são pagáveis, mas precisa que a Prefeitura faça um planejamento para ao menos começar a pagar esses valores atrasados”.

O presidente ainda informou que já solicitou agenda com o município e aproveitou a oportunidade para agradecer o apoio de sempre dos vereadores.  “Os vereadores sempre votaram a favor dos servidores, sempre estão de portas abertas para nos dar voz e acreditamos que o Executivo poderia se espelhar nessa Casa”.

O presidente da Câmara, vereador Carlão, lembrou que a Casa de Lei criou uma Comissão para acompanhar a situação dos servidores que ganham menos de um salário mínimo e cobrar o aumento para esses profissionais. O parlamentar defendeu o diálogo para resolver a questão e reforçou a necessidade de valorização dos servidores efetivos.

 

Imagem Izaias Medeiros - Câmara de Vereadores

 


CADASTRA-SE PARA RECEBER NOVIDADES DA SIOMS